Termos SEO que todo blogueiro deve conhecer!

Termos SEO que todo blogueiro deve conhecer!
Avalie este post

Se você tem um site ou blog, ou se você trabalha com qualquer coisa relacionada à internet, você certamente precisa saber um pouco sobre Search Engine Optimization (SEO). Uma boa maneira de começar é  se familiarizar com os termos mais comuns encontrados no meio, e abaixo você vai encontrar 20 deles. (Para quem já sabe SEO, considere esta mensagem como um lembrete!).

1 SEM:. Iniciais de Search Engine Marketing, e como o nome indica se trata de serviços de marketing ou produtos através de motores de busca. SEM é dividido em dois pilares principais: SEO e PPC. SEO significa Search Engine Optimization, e é a prática de otimizar sites fazendo com que suas páginas apareçam nos resultados de busca orgânica. PPC significa Pay-Per-Click, e é a prática de compra de cliques de motores de busca. Os cliques vêm de anúncios patrocinados nos resultados da pesquisa.

2 Backlink:. Também chamado Inlink ou simplesmente link, é um hyperlink em outro site apontando para voltar ao seu próprio site. Backlinks são importantes para o SEO, pois elas afetam diretamente o PageRank de qualquer página web, influenciando rankings na sua busca.

3 PageRank:. PageRank é um algoritmo que o Google usa para estimar a importância relativa de páginas em torno da web. A ideia básica por trás do algoritmo é o fato de que um link da página A para a página B pode ser visto como um voto de confiança da página A para a página B. Quanto maior o número de links (ponderada para o seu valor) para uma página, portanto, maior a probabilidade de que essa página é importante.

4 linkbait:. Linkbait A é uma parte do conteúdo web publicado em um site ou blog com o objetivo de atrair backlinks como número possível (de forma a melhorar a sua pesquisa rankings). Geralmente é uma peça escrita, mas também pode ser um vídeo, uma imagem, um quiz ou qualquer outra coisa. Um exemplo clássico de linkbait são os “Top 10” listas que tendem a se tornar populares em sites de bookmarking social.

5 Link farm. Um link Farm é um grupo de sites onde todos os sites linkam para  outro site, com o objetivo de aumentar artificialmente o PageRank de todos os sites na Link farm. Esta prática foi eficaz nos primeiros dias de motores de busca, mas hoje eles estão vendo como uma técnica de spam (e, portanto, você pode ser penalizado).

6 Anchor text:. O texto âncora de um backlink é o texto que é clicável na página web. Tendo palavra-chave em textos te ajuda com o SEO, porque o Google irá associar essas palavras-chave com o conteúdo do seu site. Se você tem um blog sobre perda de peso, por exemplo, ajudaria nos rankings de sua pesquisa, se alguns de seus backlinks possuir  “perda de peso”, como seus textos âncora.

7 NoFollow: A nofollow é um atributo de ligação utilizado por proprietários de sites para sinalizar ao Google que não endossa o site que está ligando. Isso pode acontecer tanto quando o link é criado pelos próprios usuários (por exemplo, comentários de blog), ou quando o link foi pago (por exemplo, patrocinadores e anunciantes). Quando o Google vê o atributo nofollow ele basicamente não contam que apontam para o PageRank e algoritmos de busca.

8 Sculpting Link:. Ao usar o atributo nofollow estrategicamente webmasters foram capazes de canalizar o fluxo de PageRank dentro de seus sites, aumentando assim a pesquisa rankings das páginas desejadas. Esta prática não é mais eficaz que o Google recentemente alterar a forma como ele lida com o atributo nofollow.

9. Title Tag: A tag title é literalmente o título de uma página web, e é um dos fatores mais importantes dentro do algoritmo de busca do Google. Idealmente seu Tag do título deve ser único e conter as palavras-chave principais de sua página. Você pode ver a tag title de qualquer página web em cima do browser enquanto navega.

10 Meta Tags: Como a tag title, meta tags são utilizados para dar os motores de busca mais informações sobre o conteúdo de suas páginas. A meta tags são colocadas dentro da seção HEAD do seu código HTML, e, portanto, não são visíveis para os visitantes humanos.

11 Search Algorithm:. Algoritmo de busca do Google é usado para localizar as páginas web mais relevantes para qualquer consulta de pesquisa. O algoritmo considera mais de 200 fatores (de acordo com o próprio Google), incluindo o valor PageRank, a tag title, meta tags, o conteúdo do site, a idade do domínio e assim por diante.

12 SERP: Iniciais de Página Resultados da Pesquisa Engine. É basicamente a página que você vai ter quando você procura por uma palavra-chave específicas no Google ou em outros motores de busca. A quantidade de tráfego de busca seu site vai receber depende do ranking terá dentro do SERPs.

13 Sandbox: Google tem, basicamente, um índice separado, o sandbox, onde ele coloca todos os sites recém-descoberto. Quando os sites estão na sandbox, eles não aparecerão nos resultados da pesquisa para consultas de pesquisa normal. Depois que o Google verifica se o site é legítimo, ele irá movê-lo para fora do sandbox e no índice principal.

14 Keyword Density: Para encontrar a densidade de palavras-chave de qualquer página especial que você só precisa dividir o número de vezes que essa palavra-chave é usada pelo número total de palavras na página. Densidade de palavra-chave usada para ser um fator importante de SEO, como os algoritmos de início colocou uma grande ênfase sobre ele. Este não é o caso anymore.

15 Keyword stuffing: Como a densidade de palavras-chave foi um fator importante no início de algoritmos de busca, webmasters começou a jogar com o sistema de inflar artificialmente a densidade de palavras-chave dentro de seus websites. Isso é chamado de keyword stuffing. Hoje em dia esta prática não vai ajudar você, e você também pode ser penalizado pela prática.

16. Cloaking. Esta técnica consiste em fazer a mesma página mostrar um conteúdo diferente para motores de busca e para os visitantes humanos. O objetivo é fazer com que a página de classificados por palavras-chave específicas, e depois usar o tráfego de entrada para promover produtos ou serviços não relacionados. Esta prática é considerada como spam e você pode ser penalizado (se não for banido) na maioria dos motores de busca.

17 Crawler Web: Também chamado bot de busca ou aranha, é um programa de computador que navega na web em nome dos motores de busca, tentando descobrir novos links e novas páginas. Este é o primeiro passo no processo de indexação.

18 Duplicate Content:. Conteúdo Duplicado, geralmente refere-se a blocos substanciais de conteúdo dentro ou através de domínios que quer corresponder completamente com outro conteúdo ou são sensivelmente semelhantes. Você deve evitar ter conteúdo duplicado em seu site, porque você pode ser penalizado.

19 Canonical URL: Canonização é um processo para conversão de dados que tem mais de uma representação possível em uma representação “padrão” canônica. A URL canônica, portanto, é a URL padrão para acessar uma página específica dentro do seu website. Por exemplo, a versão canônica do seu domínio pode ser http://www.dominio.com em vez de http://dominio.com.

20 Robots.txt:. Isto nada mais é do que um arquivo, colocado na raiz do domínio, que é usado para informar os bots de pesquisa sobre a estrutura do website. Por exemplo, através do arquivo robots.txt é possível bloquear os robôs de pesquisa específicos e para restringir o acesso a pastas específicas da seção dentro do site.

É importante que o amigo tenha noção do que significa cada termo acima descrito, dessa forma terá mais chances de obter sucesso. A hora é essa!

COMENTÁRIOS